Manaus, Segunda-Feira, 19 de Novembro de 2018

Adaf apresenta ações de defesa agropecuária durante Feira de Agronegócios da Nilton Lins

08:25 - 24/08/2018

Palestras sobre o serviço de inspeção dos alimentos de origem animal e sobre o uso seguro e correto de agrotóxico nas plantações rurais farão parte da programação

A Agência de Defesa Agropecuária e Florestal do estado do Amazonas (Adaf), órgão integrante do Sistema Sepror, durante a II Feira de Agronegócios da Nilton Lins, de 23 a 26 de agosto, na capital de Manaus, apresenta ações de defesa agropecuária que ocorrem em todo o Estado, por meio das atividades de defesa animal e vegetal. Com a proposta de orientar sobre a importância do serviço de inspeção dos alimentos de origem animal e sobre o uso seguro e correto de agrotóxico nas plantações rurais, a entidade promoverá também palestras relacionados a estes temas.

Palestras- Entre as temáticas das palestras estão: Higiene e inspeção de alimentos: O papel do Serviço de Inspeção Estadual (SIE), e o Uso seguro e correto do agrotóxico: Com o olhar voltado para a legislação atual.  A primeira palestra, será realizada nesta sexta-feira (24/08), na sala 625 Complexo de Arquitetura e Engenharias da instituição de ensino, a partir das 16h. A apresentação será direcionada para alunos de medicina veterinária da universidade e também para alunos de outras instituições.

Já a palestra sobre o uso seguro e correto do agrotóxico, está voltada para produtores rurais da região metropolitana, estudantes de engenharia agrônoma, engenharia florestal, técnico em agropecuário e outros participantes que estejam interessado ao tema. A programação ocorrerá, no sábado (26/08), a partir das 16h, na sala 627, no mesmo complexo da palestra anterior.

Abertura da feira- Durante a abertura do evento nesta quinta-feira (23/08), o diretor-presidente da Adaf, Sergio Muniz, destacou que a iniciativa da instituição de ensino com a realização da segunda edição da feira que é oferecer um ambiente favorável para negócios e parcerias que possam ser realizadas entre produtores rurais, criadores e empresas, tem relevância para capital, tendo em vista que, ações como esta fortalecem o agronegócio do Amazonas. Além disso, reforça definitivamente a direção do setor agropecuário, após o reconhecimento internacional do Estado como área livre de febre aftosa com vacinação.

“Percebemos que é o empresário que está turbinado essa iniciativa. O agronegócio começa a funcionar no Estado através de eventos como esse. Que nós conseguimos enxergar essa integração de produtores, pecuaristas e a inovação tecnológica. Eu recomendo a todos que visitem os stands da feira, por que o Amazonas em breve será um Polo que vai abastecer países vizinhos com a nossa produção rural”, comentou, Sergio Muniz.

Segundo Sergio, no stand da Adaf, será possível conhecer as atividades que são desenvolvidas pela entidade, através de um cenário lúdico e informativo, apresentando ações de defesa animal, com réplicas de animais, entre eles: um cavalo que embasa, o Programa Nacional de Sanidade dos Equídeos (PNSE), um boi e um carneiro representando, o Programa de Erradicação e Prevenção da Febre Aftosa (PNEFA), além dos programas sanitários de combate da raiva em herbívoros e peste suína.

Defesa Vegetal-  As ações de defesa vegetal no stand está sendo realizada a partir de uma apresentação em slide, através das atividades de fiscalização do trânsito interestadual, com a proposta de apresentar as principais atividades relacionadas ao combate de pragas em vegetais, que possam acometer as plantações do Estado, por meio da pragas quarentenárias, tais como: mosca da Carambola, cancro cítrico, cancro da videira, ácaro hindustânico e bicudo da acerola.

Outra atividade da defesa agropecuária que está sendo apresentada é relacionada ao uso de Equipamentos de Proteção Individual (EPI’s), na aplicação de agrotóxicos, modo de descarte das embalagens vazias de agrotóxicos, que tem como proposta a evitar a contaminação do meio ambiente e a saúde humana. Além disso, os visitantes que passarem pelo o stand da Adaf poderão conhecer produtos das empresas que possuem o Serviço de Inspeção Estadual (SIE), emitido pela agência, que oportuniza a garantia que o produto é produzido dentro dos padrões higiênico- sanitário.