Manaus, Segunda-Feira, 19 de Novembro de 2018

Adaf está na fase de contratação de empresa para a realização do concurso público

10:27 - 25/07/2018

 

A Agência de Defesa Agropecuária e Florestal do Estado do Amazonas (Adaf) está na fase de contratação de empresa para a realização do concurso público, que vai oferecer 208 vagas, nos níveis fundamental, médio, médio/técnico e superior. A minuta do edital de chamamento público para as empresas que estejam interessada em apresentar propostas, foi encaminhada para a Casa Civil e aguarda publicação no Diário Oficial do Estado do Amazonas (DOA).

De acordo com o órgão de defesa agropecuária e florestal, através deste trâmite que será estabelecido o prazo para que o edital seja publicado. A previsão da Adaf é que as provas sejam realizadas após as eleições.

Os salários para nível superior variam entre R$ 5.632,23 e R$ 6.570,95; para ensino médio e técnico R$ 3.379,35 e R$ 3.942,54; e ensino fundamental R$ 2.297,95 e R$ 2.202, 20.

Áreas- As vagas ofertadas serão para fiscal agropecuário nas especialidades de médico veterinário, engenheiro agrônomo e engenheiro florestal, contador, economista, estatístico, analista de rede, administrador e jornalista.  No nível médio/técnico, o cargo será para técnico de fiscalização agropecuária, para o cargo de agente de fiscalização agropecuária o pré-requisito é somente o ensino médio completo, assim como o cargo de assistente técnico. Para nível fundamental, as vagas serão para auxiliares de fiscalização agropecuária, motoristas fluviais e terrestres.

Fortalecimento do serviço- “O preenchimento dessas vagas vai fortalecer o serviço de defesa agropecuária e florestal com maior capilaridade, sendo possível executarmos todas as atividades da Adaf nos escritórios, nas barreiras sanitárias, nas ações de fiscalização, proporcionado segurança jurídica e competência de fiscalização. Além do trabalho de combate de pragas e epidemias e outras ações”, destacou o diretor-presidente da Adaf, Sergio Muniz.

Provas- As provas serão realizadas nos municípios de Manaus, Parintins, Humaitá e Tefé. Os valores das taxas de inscrições estão estimados em R$ 135 para candidatos de nível superior; R$ 80 para nível médio; e R$ 50 nível fundamental.