Manaus, Quarta-Feira, 16 de Outubro de 2019

Adaf finaliza treinamento Gease em aves

14:06 - 27/05/2019

Nesta semana, a Agência de Defesa Agropecuária e Florestal do Estado do Amazonas (Adaf) realizou o curso de capacitação do Grupo Especial de Atenção a Suspeita de Enfermidades Emergenciais em Aves (Gease), do Programa Nacional de Sanidade Avícola (PNSA). O curso, voltado para médicos veterinários do Sistema Sepror, teve início no dia 20 de maio e terminou na última sexta-feira (24), com direito a certificado para os participantes.

Os instrutores convidados Felipe Faccini dos Santos (Ifam/CMLZ), Leandro dos Santos Machado (Universidade Federal Fluminense – UFF), Nilce Maria Soares (Instituto Biológico/SP) e João Marcelo B. Nespoli (Indea/MT), que realizaram palestras durante três dias com os médicos veterinários, além de aula prática de técnicas em necropsia, ministrada do Laboratório de Anatomia da Escola Superior do Amazonas (Esbam) e do simulado de gabinete.

De acordo com o médico veterinário e coordenador do curso, Rodrigo Dias, o objetivo do simulado é aproximar, mesmo que de forma virtual, os participantes de todos os entraves que existiriam caso ocorresse um caso de Newcastle – enfermidade viral, aguda, altamente contagiosa que acomete aves silvestres e comerciais, com sinais respiratórios frequentemente seguidos por manifestações nervosas, diarreia e edema da cabeça.

A simulação abrange desde os problemas com o planejamento das ações, execução de medidas impopulares, lidar com a pressão da imprensa na busca de respostas definitivas durante o curso das investigações; implantação de barreiras sanitárias isolando os focos, para impedir o trânsito de produtos que possam disseminar a doença; e a finalização do caso o mais célere possível mas com o máximo de prudência na tomada das decisões.

“O curso foi de extrema importância para deixar os profissionais da área capacitados e aptos para atender qualquer surto de doença, caso venha a aparecer”, explicou Rodrigo.

A atividade serviu para capacitar os médicos veterinários da Adaf, visando garantir a sanidade do plantel avícola do estado. O Amazonas possui mais de 50% da produção de ovos da região Norte.