Manaus, Quarta-Feira, 16 de Outubro de 2019

Adaf fiscaliza entrada e saída de animais durante a 41ª Expoagro

14:22 - 07/10/2019

A Agência de Defesa Agropecuária e Florestal do Estado do Amazonas (Adaf) realizou a fiscalização da entrada e saída dos animais durante a 41ª Feira e Exposição Agropecuária do Amazonas. O controle da movimentação de animais destinados a eventos agropecuários é uma das competências da Adaf. Ao todo, foram emitidas 53 Guias de Trânsito Animal (GTAs). A exposição contou com 85 bovinos, 61 ovinos, 39 caprinos, 111 equinos, 226 aves e 17 porquinhos-da-índia.

No Amazonas, a Adaf é órgão que autoriza os eventos agropecuários, visando salvaguardar a sanidade animal e a saúde pública e atuando no bem-estar e na defesa animal em eventos com aglomeração de animais. As etapas fiscalizadas englobam a verificação de infraestrutura, o acompanhamento da desinfecção do recinto que receberá o evento, e a conferência da documentação exigida, que consiste nas GTAs e atestados negativos de exames zoossanitário dos animais. Além disso, a Agência orienta e esclarece dúvidas de criadores e do público visitante.

“A autorização para o evento representa que os organizadores, no caso o Governo do Amazonas, por meio do Sistema Sepror, cumpriu a legislação federal e estadual sanitária vigente, para que esse evento tivesse ocorrido com segurança e, principalmente, garantindo a questão do bem-estar animal e da saúde pública”, comentou o diretor-presidente da Adaf, Alexandre Aráujo.

O trabalho de fiscalização foi realizado por uma equipe de técnicos, médicos veterinários e estagiários da Gerência de Defesa Animal da Adaf (GDA) e da Unidade Local de Sanidade Animal e Vegetal em Manaus (Ulsav). Ao todo, 48 servidores atuaram na fiscalização.

Palestra – Na ocasião, a Adaf ministrou a palestra sobre Fiscalização de Eventos Agropecuário, no sentido de esclarecer dúvidas para quem esteja interessado em promover um evento agropecuário. Ao final da palestra, o promotor da Agrofest, do município de Itacoatiara (distante a 176 quilômetros de Manaus), Will Nogueira, considerou a palestra como uma das mais importantes da Expoagro.

“Essa palestra abriu a minha mente. Considero ela como a top cinco do evento, porque potencializou conhecimento para quem deseja organizar o seu evento de forma perfeita, correta, impecável e de forma antecipada, respeitando todos os protocolos que devem ser respeitados. Sou um promotor de evento em crescimento, estou me capacitando nesta área, o que me favorece a buscar um desenvolvimento pessoal para levar para o meu município”, comentou ele.

Sobre os eventos agropecuários – Os eventos agropecuários são normatizados pelo decreto nº 25.583 de 28/12/2005, e pela portaria nº 162 de 18/10/1994, que trazem os preceitos são seguidos pela agência de defesa. O cadastro e o credenciamento do Médico Veterinário Responsável Técnico (RT), Promotor de evento e do Estabelecimento são obrigatórios. Quem deseja realizar um evento agropecuário em seu município deverá obedecer às recomendações exigidas pela Adaf, que constam no site oficial da autarquia.