Manaus, Sexta-Feira, 22 de Novembro de 2019

Adaf imuniza 97,22 % do rebanho bovino e bubalino contra febre aftosa na primeira etapa da campanha

14:38 - 22/07/2019

A primeira etapa da campanha “Amazonas sem Febre Aftosa”, coordenada pela Agência de Defesa Agropecuária e Florestal do Estado do Amazonas (Adaf), que aconteceu de 15 de março a 30 de abril e de 1º a 30 de maio, imunizou 97,22% de todo o rebanho bovino e bubalino amazonense, em 13.957 propriedades rurais. A porcentagem representa a vacinação de 1.191.142 animais.

Os municípios de Boca do Acre e Guajará que seguem o calendário de vacinação do estado do Acre vacinaram apenas bovinos e bubalinos de zero a 24 meses.

Entres os municípios que contam com o maior rebanho no Estado, Lábrea está entre as unidades da Adaf que mais vacinaram seu gado, com o índice vacinal de 99,91%. Já as unidades de Apuí, Manicoré e Boca do Acre são outros municípios em destaques, com alcance vacinal de até 99,77%.

“Reconhecemos e agradecemos o empenho das equipes locais da Adaf e do Idam no interior, em especial os pecuaristas. Além do apoio dos órgãos parceiros e, reforçamos que estamos com outras etapas em andamento e, esperamos, o mesmo engajamento, em sempre melhorarmos os índices vacinais em todo Estado, destacou o diretor-presidente da Adaf, Alexandre Araújo.

Status sanitário – O Amazonas é livre de febre aftosa com vacinação desde 2018 e caminha para evoluir para o status sanitário livre de febre aftosa sem vacinação até 2021, para suspender a vacinação em todo Estado. O Amazonas possui um rebanho total de 1.492.769 animais e conta com 15.140 propriedades rurais cadastradas.

Segundo a coordenadora estadual do Programa de Prevenção e Erradicação da Febre Aftosa (Pnefa), Joelma Silva, o Amazonas deve manter uma excelente cobertura vacinal até a suspensão da vacinação. “É importante reforçar que o Estado está na segunda etapa da campanha em 41 municípios e devem cumprir com responsabilidade de não deixar para a última hora”, reforçou Joelma.

Calendário de vacinação – A segunda etapa da campanha iniciou no dia 15 de julho e segue até o dia 31 de agosto.  

No Amazonas, o calendário de vacinação está dividido em duas etapas. Em 41 municípios que compõem a Calha do Rio Amazonas, bovinos e bubalinos nos períodos de 15/03 a 30/04 e de 15/07 a 31/08 são vacinados. Já em 21 municípios, o calendário de vacinação ocorre nos meses de maio e novembro.