Manaus, Segunda-Feira, 04 de Março de 2024

Adaf recebe apoio da Aleam para fortalecimento do Programa Nacional de Vigilância para Febre Aftosa

14:08 - 22/03/2023

Presidente da Comapa, Cristiano D’Ângelo mostrou-se sensível às pautas da Defesa Agropecuária

 

Procurada pela Agência de Defesa Agropecuária e Florestal do Amazonas (Adaf), a Comissão de Agricultura, Pecuária, Pesca, Abastecimento e Desenvolvimento Rural (Comapa) da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) sinalizou apoio ao Programa Nacional de Vigilância para Febre Aftosa (Pnefa), em reunião realizada na última terça-feira (21), na Assembleia.

O diretor-presidente da autarquia, José Omena, expôs ao presidente da Comissão, deputado Cristiano D’Ângelo (MDB), a importância de fortalecer o programa para manter o status sanitário de livre de aftosa sem vacinação nos 13 municípios que já receberam o reconhecimento internacional e ampliar a conquista sanitária para as 49 cidades onde a imunização ainda é obrigatória.  

“A Adaf vem trabalhando fortemente para cumprir os requisitos do Ministério da Agricultura (Mapa) e da Organização Mundial de Saúde Animal (OMSA) para retirar a vacinação em todo o Estado. Para isso, queremos contar com o apoio de parlamentares como o deputado Cristiano D’Ângelo, que nos recebeu de portas abertas”, disse Omena.

O encontro também teve a participação do presidente da Federação da Agricultura do Estado (Faea), Muni Lourenço, e do Superintendente Federal da Agricultura substituto, Vinícius Lopes. “Essa visita ao deputado Cristiano D’Ângelo consolida o apoio da Comissão de Agricultura e Pecuária da Assembleia Legislativa, presidida pelo mesmo, ao esforço do fortalecimento da defesa agropecuária e da busca da meta de retirada da vacina da aftosa no restante dos municípios amazonenses”, destacou Muni.

 

Vinícius Lopes, do Mapa, está otimista sobre o possível reconhecimento do Amazonas como zona livre de aftosa sem vacina. “Sob o protagonismo da Faea, da Adaf, dentre outros atores institucionais, várias iniciativas em curso apontam para um cenário bastante promissor, a curto e médio prazo. Certamente, o envolvimento da Comissão de Agricultura da ALE-AM, atualmente presidida pelo nobre deputado Cristiano D’ Ângelo, reforça esses arranjos e traz mais força à concretização dessas iniciativas”, disse o superintendente substituto.

Outro pleito apresentado ao deputado foi a necessidade de convocação de mais aprovados no concurso público que a Adaf realizou em 2018. A validade do certame expira no final de abril, e mais de 70 profissionais ainda podem ser convocados, fortalecendo o quadro de pessoal da autarquia.

O parlamentar assegurou total apoio às pautas apresentadas pelas lideranças. “Faço questão de aproximar a Comapa quanto às questões comunitárias, especialmente quando se trata de medidas necessárias que evitam prejuízos aos criadores e garante a qualidade de vida dos animais, como na campanha de vacinação e combate à febre aftosa”, afirmou.