Manaus, Terça-Feira, 29 de Novembro de 2022

Adesão à tecnologia: Adaf registra mais de 180 atendimentos remotos em uma semana

14:55 - 31/01/2022

Nova modalidade foi iniciada no dia 24 de janeiro para facilitar acesso aos serviços da agência

Uma semana após iniciar o atendimento remoto a produtores rurais, a Agência de Defesa Agropecuária e Florestal do Estado do Amazonas (Adaf) já registrou 187 atendimentos na nova modalidade, disponível via WhatsApp desde o dia 24 de janeiro. A novidade tem o objetivo de facilitar o acesso aos serviços da autarquia, que continuam sendo prestados também de forma presencial.

De acordo com o médico veterinário fiscal agropecuário Laércio Reis, que é um dos supervisores do atendimento on-line, as principais solicitações dos produtores rurais nesta primeira semana foram referentes a declarações, emissões de Guia de Trânsito Animal (GTA) e pedidos de informações.

“Quanto à GTA, por exemplo, é bom ressaltar que, mesmo no atendimento remoto, a responsabilidade pela impressão é do produtor, uma vez que os animais em transporte obrigatoriamente têm que estar acompanhados do documento físico”, destacou.

Laércio explicou que a Adaf continuará prezando pela segurança na nova modalidade e que, para isso, o produtor precisará se enquadrar em critérios para conseguir realizar o atendimento on-line.

“Caso ele não se enquadre, será orientado a procurar o atendimento presencial, que continua sendo feito normalmente nas unidades da Adaf. Mas seguiremos sendo criteriosos quanto às informações prestadas em todas as modalidades”, esclareceu.

Os produtores que recorreram à ferramenta e responderam a pesquisa de satisfação, até o momento, avaliaram com média 4,9 (em uma escala de 1 a 5) o tempo de atendimento on-line. A média de avaliação do atendimento como um todo ficou em 4,8, e 100% dos que responderam o questionário disseram incentivar a utilização da plataforma.

Acesso facilitado – Um dos que aderiram à novidade foi o produtor rural João Carlos Alencar da Costa, de Curari Grande, uma localidade de Careiro da Várzea. Ele solicitou a emissão de GTA para abate de bovinos ainda no primeiro dia da novidade e disse que já vai buscar mais serviços pela plataforma.

“Pelo WhatsApp é mais fácil. A minha propriedade fica a 30 quilômetros da sede do município, por via aquática, o que dificulta o deslocamento até a unidade da Adaf. Se o tempo estiver ruim, se estiver banzeirando, não dá para ir. E também com a Covid-19 é melhor a gente procurar esse atendimento remoto”, pontuou.

Os serviços remotos são viabilizados por três atendentes e dois supervisores da Adaf, além de um atendente do Fundo de Defesa Agropecuária do Estado do Amazonas (Fundepec). Todos passaram por treinamento e estão aptos a interagir de forma automática com quem entrar em contato pelo telefone (92) 99238-5568 (WhatsApp). O sistema, operado por meio de inteligência artificial, direciona o interessado a um atendente para que seja protocolizada a solicitação.

A ampliação dos canais de atendimento da Agência vai oportunizar aos produtores rurais a solicitação de forma digital de serviços como emissão de Guia de Trânsito Animal, atualização cadastral de rebanhos, além da notificação de vacinas de febre aftosa e de brucelose.