Manaus, Sábado, 26 de Novembro de 2022

Sistema Sepror lança programas Pró-calcário e Pró-mecanizacao na comunidade Nossa Senhora de Nazaré em Manaus

12:30 - 04/07/2022

O Governo do Estado do Amazonas, através do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas – Idam e da Secretaria de Produção Rural Sepror, lançou, nesta quinta-feira (17/05), os programas Pró-Mecanização e Pró-Calcário 2018, na comunidade Nossa Senhora de Nazaré, na Costa do Tabocal, na margem esquerda do rio Amazonas, zona rural de Manaus,

O Programa de Pró-Mecanização é uma linha de crédito subvencionada pelo Governo do Estado, através da Sepror, por meio do termo de convênio n° 04/2015 (Sepror/Agência de Fomento do Estado Amazonas – Afeam e  Idam), com vigência até 2020. O Pró-Calcário é um programa voltado para a correção do solo, no qual o calcário é lançado no solo para que se tenha mais produtividade corrigindo a acidez do solo.

A Afeam acompanha todos os projetos e atua como agente financiador com o apoio da Sepror e Idam. Segundo o gerente da unidade local idam de Manaus, Ofir Haje, já tem 20 produtores do assentamento Nazaré que já tiveram suas propostas selecionadas, com dois hectares de terra, por agricultor.

O diretor-presidente do Idam, Luiz Herval, explicou que “os Programas Pró-Mecanização e Pró-Calcário vão fazer com que se possa estabelecer a atividade da mandioca pra abastecer a agroindústria, usando das tecnologias que são preconizadas principalmente pela Embrapa, saindo de 10 toneladas de raízes para 25 a 40 toneladas por hectare, dependendo da variedade e do tempo de plantio dessas culturas. É o Idam dando apoio técnico, ensinando manejo aos agricultores, mudando a realidade dos agricultores do projeto de assentamento da Nazaré”.

Também participaram do evento, representantes da Afeam; da Agencia de Defesa Agropecuária e Florestal do Amazonas – Adaf; Agência de Desenvolvimento Sustentável – Ads; Associação dos Produtores Rurais do Assentamento do Nazaré (ARPAN); gerentes das unidades locais de Manaus e Rio Preto da Eva e comunitários do assentamento. Na ocasião, foi inaugurada uma fábrica de farinha, que beneficiará os 60 associados. O Idam, órgão vinculado ao Sistema Sepror, responsável pelos Serviços de Assistência e Florestal – ATER começará atender aos interessados da comunidade que vão se beneficiar dos Programas. Todas as 66 unidades locais do Idam, vão trabalhar integradas para impulsionar os dois Programas.

O diretor de Crédito eleito da Afeam, Luiz José, afirmou que os produtores rurais se beneficiam diretamente dos dois programas. “No Pró-mecanização, o produtor paga só 15% do custo total de preparo da terra. No Pró-calcário, o governo subsidia 50% da correção do solo”.

O presidente da ARPAN, Everaldo Batista, destacou “a importância dos programas que vão duplicar a produção no curto prazo e agradeceu o apoio técnico do Idam e do Sistema Sepror, que, com suas práticas, estão mudando a vida dos agricultores”.