Manaus, Quarta-Feira, 30 de Novembro de 2022

Wilson Lima inaugura novo escritório da Adaf em Urucará e amplia política estadual de defesa agropecuária

10:02 - 06/06/2022

 

Durante o ‘Governo Presente’ no município, governador também anunciou revitalização de abatedouro, que está fechado

 

O governador do Amazonas, Wilson Lima, inaugurou, neste sábado (04/06), o novo escritório da Agência de Defesa Agropecuária e Florestal do Estado (Adaf) em Urucará (a 261 quilômetros de Manaus) para reforçar a política estadual de defesa agropecuária e florestal. A autarquia está presente no município há mais de dez anos e a nova estrutura vai proporcionar atendimento mais eficiente aos produtores.

Wilson Lima esteve em Urucará para acompanhar as ações e serviços do programa Governo Presente. Na oportunidade, ele anunciou que o Estado vai revitalizar o abatedouro do município.

Serviços

Emissão de Guia de Trânsito Animal (GTA), cadastramento de produtores, atualização de rebanho, declaração de vacinação, notificação obrigatória de doenças e orientações sobre o uso e aquisição de agrotóxicos estão entre os serviços disponíveis no escritório da Adaf aos criadores e agricultores da região.

O governador Wilson Lima ressaltou que o novo escritório fortalece a defesa agropecuária em Urucará e, também, ajudará a garantir a qualidade dos produtos de origem animal consumidos no município.

“Nós entregamos, hoje, um posto da Adaf, que é a nossa agência que faz esse trabalho de fiscalização para garantir a qualidade dos produtos, que são consumidos aqui no município de Urucará”, destacou o governador.

O diretor-presidente da Adaf, Alexandre Araújo, afirmou que a inauguração da nova sede tem o objetivo de melhorar as condições de trabalho dos servidores lotados em Urucará e garantir mais conforto aos produtores, que buscam o apoio da Agência de Defesa.

“Em 2022, a Adaf completa uma década de atuação na Defesa Agropecuária e Florestal do Amazonas. E um dos nossos compromissos é tornar nossos escritórios locais mais confortáveis, por meio de mobiliários novos, serviço de internet satisfatório e sedes mais acessíveis ao nosso público”, destacou.

Segundo a fiscal agropecuária e médica veterinária da Adaf em Urucará, Alessandra Borges da Silva, a nova sede é mais confortável e melhor localizada em relação à anterior. “Antes atendíamos em uma sala pequena. Agora temos à disposição três salas e uma recepção garantindo mais conforto e privacidade no atendimento. Estamos também mais bem localizados, próximos ao porto, local onde os produtores rurais chegam”, comemorou.

O prédio, cedido pelo Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas (Idam), conta com uma infraestrutura distribuída em três salas de atendimento e um ambiente para recepção.

Abatedouro

Wilson Lima destacou que o Estado vai realizar licitação para contratação de obras de revitalização do abatedouro de Urucará, que está desativado desde 2018.

“Vamos resolver o problema do matadouro de Urucará. O projeto já está em fase de finalização e daqui a um mês, mais ou menos, o processo licitatório já estará rodando para que a gente possa entregar uma estrutura em que o povo de Urucará possa consumir uma carne sabendo da qualidade e da procedência”, disse o governador.

O pecuarista e empresário Abinader Felipe espera com ansiedade a reativação do abatedouro. Dono de um açougue, ele conta que enfrenta uma difícil logística para conseguir comercializar carne. “Com o matadouro, essa logística será simplificada e isso terá reflexos até no preço da carne”, avalia. O prefeito de Urucará, Enrico Falabela, comemorou a notícia. “É uma obra que vem para melhorar a qualidade da carne. É mais saúde para o povo de Urucará”, afirmou.

FOTOS: Tácio Melo/Secom