Manaus, Quarta-Feira, 30 de Novembro de 2022

Adaf recebe prefeito de Eirunepé para tratar sobre a construção de um matadouro

16:51 - 22/01/2018

 

O diretor presidente da Agência de defesa Agropecuária e Florestal do Amazonas (ADAF), órgão vinculado à Secretaria de Produção Rural (Sepror), Sergio Muniz recebeu na manhã desta segunda-feira (22/01), o prefeito de Eirunepé, distante a 1,150 quilômetros de Manaus, Raylan Barroso. A reunião foi para tratar sobre a construção de um matadouro na região.

Atualmente o município atua somente com o Serviço de Inspeção Estadual (SIM). Ao todo são abatidos 15 animais. De acordo com órgão de defesa agropecuária, do Governo do Amazonas através da sinalização do governador, Amazonino Mendes será disponibilizado para a prefeitura municipal de Eirunepé um projeto arquitetônico para a construção de um matadouro que passará à funcionar com o Serviço de Inspeção Estadual (SIE). O Amazonas possui hoje 15 entreposto de carne que atuam com o SIE.

Segundo o diretor presidente da ADAF, Sergio Muniz, o projeto será elaborado por técnicos da Adaf e da Sepror e a estrutura vai atender as normas ambientais e higiênicas para que a carne chegue com qualidade à mesa  do consumidor com selo de origem, qualidade e a garantia do produto. “Com o serviço de inspeção estadual o município poderá exportar sua produção para outras regiões do Amazonas, agregando valor econômico para os atores dessas cadeia produtiva”, comentou Muniz.

O Serviço de Inspeção Estadual (S.I.E.), da Agência de Defesa Agropecuária e Florestal (Adaf) do Estado do Amazonas, é para produtos destinados ao comércio estadual. Pelos municípios quando a produção se destinar ao comércio municipal (S.I.M.) e Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), quando a produção destinar-se ao comércio interestadual (S.I.F.).

Para o prefeito, Raylan Barroso o projeto vai atender e mudar significativamente o abate de animais que incialmente vai abater bovinos. “Pretendemos com essa estrutura abater suínos também, com isso vamos contribuir com os nossos pecuaristas e estaremos proporcionado a população um produto de qualidade para a população, comentou Barroso.