Manaus, Sábado, 24 de Agosto de 2019

Sepror oferece cursos profissionalizantes para produtores rurais via curso a distância

14:16 - 31/05/2019

Buscando capacitar produtores rurais e técnicos dos 62 municípios do Amazonas, a Secretaria de Estado da Produção Rural (Sepror), em parceria com a Secretaria de Estado de Educação e Qualidade do Ensino (Seduc-AM), vêm promovendo cursos profissionalizantes a distância, transmitidos para todas as unidades locais do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Amazonas (Idam).

As aulas são transmitidas pela Seduc-AM, por meio do Centro de Mídias de Educação do Amazonas (Cemeam), com a mesma duração da carga horária, de 4h a 6h. No primeiro semestre foram realizados seis cursos, atingindo 50 municípios conectados, totalizando a capacitação de aproximadamente 1.000 produtores e técnicos.

“O caminho para desenvolver o interior passa necessariamente pela profissionalização do setor agropecuário, e isso só será possível com recursos humanos capacitados, produtores rurais e técnicos. Continuaremos as parcerias oferecendo treinamentos teóricos e práticos”, informou o titular da Sepror, Petrucio Magalhães Júnior.

Formação – O primeiro curso oferecido pelo Cemeam foi o de Suinocultura, ministrado pela zootecnista Meyb Seixas, que abrangeu fatores primordiais para o desenvolvimento da cadeia, apresentando técnicas de segurança alimentar e produção da atividade finalística (o abate).

“Temos um estado grande, e essa ferramenta facilita o alcance do curso para chegar aos 62 municípios, agregando valor, levando conhecimento para todas as regiões, com a finalidade também de aproximar o interior do estado do Governo do Amazonas, por meio da Sepror”, afirma Meyb Seixas.

A chefe de Departamento Pedagógico (Depe/Sepror), Elizabeth Castro, afirma que a meta para o segundo semestre é realizar cursos de capacitação de 22 cadeias produtivas do Amazonas.

“Estamos elaborando a planilha dos cursos, divididos em aulas teóricas e práticas. Nosso objetivo é incentivar e profissionalizar o produtor, melhorando também a qualidade do produto para o consumidor final”, relata Elizabeth Castro.

Produtor – O agricultor familiar do município de Maraã (distante 633 quilômetros de Manaus), Edilson Almeida, conta que foi a primeira vez que participou do curso oferecido pela Sepror, de Suinocultura, e pretende começar nesta nova cadeia produtiva.

“Após o curso, estou iniciando a criação de porcos em minha propriedade, buscando outra fonte de renda e tendo todo acompanhamento técnico do Idam no município”, relata o agricultor familiar.

Facilidade de acesso – Meyb também comenta que todos os cursos ficam salvos na plataforma online no canal do Youtube da Seduc, o Seducnet, sendo referência para outros estados do Brasil.

“Nós, técnicos, somos também procurados por pessoas de outros estados. Já fiz atendimentos para profissionais e alunos da região Nordeste, que viram o curso no Youtube. Com isso o curso não fica retido no estado, sendo referência para outros estados do Brasil” finaliza a zootecnista.

Inscrição – Os interessados em participar dos cursos profissionalizantes devem procurar a unidade do Idam mais próxima de seu município, munidos de registro de identificação (RG) e cadastro de pessoal física (CPF). Outras dúvidas podem ser esclarecidas por meio dos telefones (92) 99500-4661 ou 99206-2377.

FOTOS: Divulgação/Sepror